sexta-feira, 22 de abril de 2011

Prova de concurso ensino fundamental

Há muitas diferenças entre a prova de concurso ensino fundamental e provas de outro nível como o médio e superior. As características de cada nível de prova são bem diferentes e é importante o candidato a concurso reconhecer essas diferenças. Na realidade uma prova de concurso ensino fundamental pode ser completo ou incompleto, geralmente o edital diferencia cada um e elabora uma prova diferente. Isso porque existe cargo que não exige que o candidato tenha terminado o ensino fundamental, assim o nível da prova será menor em relação aos outros níveis. As questões de concurso de nível fundamental incompleto geralmente são mais objetivas, ou seja, contém um enunciado breve e resposta pequena. Exemplo:
1.Assinale a palavra que é um adjetivo:
a) Jacaré
b) Fada
c) Lindo
d) Viagem
e) Correr
Observando essa questão podemos identificar que Jacaré, fada, viagem e correr não são adjetivos, mas apenas a palavra “lindo” é um adjetivo. Essa é uma questão típica de uma prova de ensino fundamental incompleto, mas no ensino fundamental completo podemos perceber algumas pegadinhas e questões que tentam confundir o candidato. E geralmente o examinador elabora questões com enunciados longos e que podem tirar a atenção do candidato, além de respostas grandes e bem elaboradas. Veja a questão abaixo:
2.Nas frases abaixo, em que figuram pronomes relativos, há um exemplo em que o pronome está mal empregado.
Assinale-o:
a) Os moços com quem falamos são estudantes de Direito.
b) Eis a terra donde se colhem tão bons frutos.
c) São empresas para as quais aparecem muitos candidatos.
d) Mostrar-lhe-ei as canetas de que me sirvo.
e) Refiro-me a esse aluno, cujo aluno já nos tem causado tanto dissabores.
Esse é um tipo de questão que o candidato precisa de mais atenção, pois ela é fácil, mas se o candidato não estiver muito atento pode confundir achando que é para assinala a questão que seja a correta. Repare que o examinador separa a palavra “Assinale-o” colocando abaixo do enunciado. Outra coisa que precisa ser notada é que a ultima questão é a “incorreta” e isso foi de proposito, pois como o enunciado está dando uma ideia (ao colocar “Assinale-o”) de que é para marcar a correta então conforme o candidato vai lendo as alternativas é o tempo de haver uma confusão e ele assinalar a letra “c” ou “d”, mas jamais a letra “e” porque ele verá que é incorreta. Claro que isso pode acontecer com aquelas pessoas que costumam ficar nervosas na hora da prova. Mas agora que você sabe é importante prestar bem atenção no enunciado, pois muitas vezes sabemos responder a questão, mas por falta de atenção marcamos a incorreta.
Fique atendo com enunciados que contenham palavras como:
- Respectivamente.
- Assinale-o
- Incorreta
- Não
- Exceto
- Apenas

10 comentários:

Anônimo disse...

Parabéns! muito boas essas dicas

WED Chaves disse...

Esses esclarecimentos são ótimos, parabéns!

Anônimo disse...

muito bom!!!

marcos disse...

Muito boa essas digas parabens pessoal...

Anônimo disse...

bom de mas essas dicas....

Karen Kris disse...

hum....... boa é sempre bom prestar atençao, pois muitas vezes a reposta esta bm em nosso nariz, mas o nervoso nos atrapalha. bjssssssssssss

Anônimo disse...

Amei as dicas, o site esta de parabéns... Obrigado!

Anônimo disse...

q fraco isso hein!
eu aguentaria mais...

Anônimo disse...

gostei das dicas, pra mim e muito bom!!obrigada

Rita de Cassía disse...


Amei seu blo é muito fofo e me ajudou bastante




Pesquisas relacionadas a prova de portugues

prova de portugues com gabarito

Prova de portugues 3°ano

Prova de portugues 4°ano

Prova de portugues 5°ano

Prova de portugues 6°ano

Prova de portugues 7°ano

Prova de portugues 8°ano

Prova de portugues 9°ano

Prova de portugues ensino fundamental

Seu portal das questões para concursos


Olá, você está conectado ao melhor blog de questões de concursos públicos selecionadas da internet. Fique por dentro das dicas e macetes das provas, esteja sempre na frente com conhecimentos atualizados e conquiste sua carreira de trabalho.